Enviar um parâmetro a uma aplicação é sempre fácil quando feito dentro do ambiente do Scriptcase, mas ao trabalhar com aplicações externas nós temos de fazer de outra maneira. É por isso que utilizar varíáveis do tipo GET é uma boa opção para receber dados externos dentro de um Formulário Scriptcase ao realizar a interconexão entre aplicações.

No Scriptcase existem três opções para declaração de variáveis: SESSION, POST y GET. Ao assinalar a GET será permitido a aplicação receber o valor da variável através da URL do nosso formulário. Como resultado, poderemos executar as tarefas que queremos dentro do formulário a partir de valores iniciais, desde configurar valores iniciais no carregamento de um novo registro (de modo a evitar que o usuário precise digitar dados já previstos na aplicação externa) até processos mais complexos que requerem valores iniciais para serem iniciados (por exemplo:. Encerramento do mês em que é exigido o mês e o ano para ser processado dentro dos eventos do nosso formulário).

Toda as informações necessárias para compreender melhor a utilização de variáveis dentro do Scriptcase podem ser encontradas abaixo clicando aqui:

O exemplo a seguir mostra a declaração de uma variável e codificação em Eventos Scriptcase para agir de forma diferente a predeterminada ao a receber a variável. Você pode encontrar mais informações sobre eventos no link:

 

Declaração da Variável “Documento”

Âmbito -> GET

Configuração -> Opcional (No caso em que sempre se espera receber uma variável, esta opção deve ficar desmarcada)

Tipo –> Entrada

recepção de variáveis - 1

Evento onApplicationInit

Dentro do Evento é validado se a variável “Documento” é diferente de zero. Se inicia o formulário para o carregamento de um novo registro. Realizamos esta configuração utilizando a macro SC_APL_CONF (documentação) a qual precisamos indicar o nome da aplicação, a propriedade a ser configurada e o valor desejado para a propriedade

recepção de variáveis - 2

Evento onLoad

Dentro do Evento se valida se a variável “Documento” for diferente de vazio. Se atribui ao campo  {Documento} o valor da variável [Documento] e se configura o campo citado como apenas leitura, de forma a não permitir editar o valor recebido. Realizamos esta configuração utilizando a macro C_FIELD_READONLY (documentação), a qual devemos indicar o campo de nossa aplicação a ser setado como apenas leitura.

recepção de variáveis - 3

Ao clicar em “executar aplicação” nos mostrará a seguinte janela onde se permite ingressar a variável que configuramos, se deixamos em branco e clicamos em “form_cliente” o formulário se executará normalmente mostrando os registros que contém a tabela relacionada a mesma.

recepção de variáveis - 4

Para realizar os testes devemos modificar a URL que vemos no navegador excluindo tudo o que precede ao nome do nosso formulario y adicionando nossa variável e o valor desejado prefixando o símbolo “?”, assim como indicado na seguinte imagem.

recepção de variáveis - 5

Perceba que ao receber a variável um valor, além de ingressar no movo “novo registro”, se configura como apenas leitura no campo “Documento” e atribui o valor que enviamos.

Você pode gostar de…

Dicas de facilitadores para desenvolvedores – Parte II

Amigos, no post anterior mostrei algumas dicas para nós desenvolvedores. No post de hoje, venho co...

Dicas de facilitadores para desenvolvedores – Parte I

Veja Agora opções dentro do Scriptcase que funcionam como Facilitadores para Desenvolvedores utili...

Processamento de Dados a partir de Formulário do Tipo Controle: Utilizando macros de consulta e inserção a Base de Dados

  O processamento dos dados pode ser realizado a nível de Base de Dados com procedimentos a...

Comente este post

Receba novos posts, ofertas e muito mais toda semana.